quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Buried Alive

     Parece que tudo conspirava para dar errado, tudo mesmo. A coisa mais difícil pra um filho é ver sua mãe chorando (pelo menos é pra mim) e isso se tornou constante na minha vida, mas sei que nunca vou me acostumar com isso porque é sempre um grande impacto. Mas as coisas começaram a mudar agora, só agora. Tava com saudades de ver um sorriso dela. Acontece que durante o ano todo, com toda aquela angustia dentro de mim, eu ainda conseguia ir para os cantos sorrindo e fingindo que estava tudo bem, e as vezes quando não dava pra disfarçar, usava sempre a mesma desculpa "to com sono", e então eu chegava em casa e nas minhas conversas com Deus eu so reclamava e reclamava e continuava reclamando, cheguei ao ponto extremo de fazer coisas estúpidas comigo mesma, mas então um dia eu decidi agradecer por tudo aquilo que estava acontecendo comigo e com a minha familia, porque no fundo eu sabia que existiria uma recompensa para tudo aquilo, que as coisas iriam melhorar. Eu tinha esperança. Quando eu pensei que ia tudo se resolver, aconteceu uma coisa e aquele turbilhão de emoções voltou a me consumir. Infelizmente, nenhuma delas era boa. Na verdade foram duas coisas, tudo ao mesmo tempo. Uma delas eu deveria achar bom, mas não tava do jeito que deveria ser, tava errado, tava ruim, e a outra horrível. Eu ia pra escola sem nenhuma vontade e quando chegava em casa, apenas ficava trancada no quarto sem querer nada, tentava evitar pensamentos mas eles vinham de todo jeito e então eu chorava, e chorava muito.
     As pessoas que eu queria ali pra me abraçar eras as que não podiam de jeito nenhum: uma porque era ela o motivo de tanta angustia, mágoa, tanta tristeza. A outra porque ela estava com ódio de mim, eu tinha feito uma coisa muito estúpida e naquele momento eu não tinha a amizade da pessoa que eu mais amava. Tava tudo destruído pra mim. Então eu ouvi uma música que mudou tudo: his name - he is we . Eu ja conheço a banda há um tempo e a musica também, mas naquele momento foi diferente. Eu senti ainda mais a mensagem que ela queria passar e eu decidi que daquele momento em diante eu precisava sorrir, recuperar a felicidade que eu costumava ter, colocar uma barreira para que a tristeza não me atingisse mais. E foi então que as coisas começaram a mudar.
    Eu recebi o perdão da minha melhor amiga e da amiga dela (que é minha amiga também), as quais eu magoei tão profundamente. Conversei com a minha amiga pra ela ter limites nas atitudes dela e as coisas melhoraram entre nós também. No dia do meu aniversário (30/11) foi tipo o ápice, eu me diverti muito mesmo, e eu só agradeço aos meus amigos por isso. Sinto cada dia mais que estou fazendo a coisa certa em deixar as mágoas para trás e me esforçar para so lembrar das coisas boas e sentir que estou recuperando minha paz é tão bom. Ver que estou voltando a fazer as pessoas sorrirem como eu costumava fazer antes já é um motivo maravilhoso para ficar feliz.
   Então, meu conselho é o seguinte: você é alegria, e você deve lembrar disso. Com certeza você é a pessoa mais importante do mundo pra alguém e um sorriso teu faz a felicidade dessa pessoa. Lembre-se de todos que um dia já te fizeram sorrir e o quanto você ja foi feliz e não permita que coisas pequenas levem essa felicidade embora. A tristeza, a mágoa, essas coisas ruins, não devem ter vez em nossas vidas. É bom chorar as vezes, mas sorrir é muito melhor e deve ser prioridade sempre. Fique perto daquilo que te faz bem seja ela uma pessoa, uma música, um filme, um jogo, teus ídolos. Se aquilo que te faz bem não pode estar contigo nesse momento, então deixe as suas melhores lembranças tomar conta de você. Agradeça por tudo aquilo que está te acontecendo, seja bom ou ruim, mas tenha a certeza de que tudo tem sua recompensa e que se você não está tendo tendo um momento bom agora, esteja certo de que ele estar por vir. Faça sempre o bem aos outros, mesmo que não mereçam, você talvez se sinta um idiota por estar fazendo aquilo, mas um dia você verá que valeu a pena. Tudo valeu a pena. E mais uma vez, lembre-se: você é alegria :)

2 comentários:

  1. Você escreve muito bem, parabéns!
    Estou seguindo o seu blog :)
    http://leituradaestante.blogspot.com/

    ResponderExcluir